Veja dicas para fortalecer os laços entre membros de uma equipe e potencializar seus resultados

Equipes altamente eficazes dificilmente surgem do nada. Assim como uma planta, elas devem ser regadas e cuidadas. É por isso que o conceito de team building – em português “construção de equipes” – deve sempre fazer parte da cultura da empresa, já que tem a capacidade de aproveitar os pontos fortes de cada membro, melhorar a comunicação, aumentar a confiança e fomentar a inovação e a criatividade.

Quando aproveitado de forma eficaz, o trabalho em equipe aumenta o desempenho individual e impulsiona o crescimento da empresa.

Aprenda mais sobre as melhores práticas de team building e veja ideias de atividades.

O que é team building?

Team building é o processo de unir funcionários de modo a formar um grupo de pessoas organizadas para trabalhar juntas e atender às necessidades da empresa.

O processo cria laços fortes entre os membros da equipe, de modo que os indivíduos se respeitam mutualmente, convivem com as diferenças e compartilham os mesmos objetivos e expectativas.

Há duas maneiras de desenvolver a construção de equipes:

Natural: consiste na interação diária entre colaboradores que trabalham juntos para realizar os requisitos de suas funções. Esta forma é natural e pode ser otimizada se o grupo dedicar tempo para estabelecer um conjunto de regras internas, que visa orientar os membros sobre como interagir de maneira adequada entre equipe e com o restante da organização.

Estruturada: team building também pode envolver atividades estruturadas, conduzidas por membros da própria equipe ou externos.

Processo deve ser contínuo

Um erro comum de gestores de pessoas é acreditar que o team building é algo que ocorre uma única vez e nunca mais precisa ser revisitado, já que atividades regulares baseadas neste processo têm o potencial de melhorar muito o desempenho dos times.

O segredo é distribuir: eventos anuais não trarão mudanças significativas. Portanto, dê preferência pelas confraternizações trimestrais, almoços mensais, reuniões semanais ou qualquer outro encontro recorrente que possa fortalecer o vínculo e a interação.

Por que é importante?

De acordo com um artigo da Forbes, team building é o investimento mais importante que uma organização pode fazer por seu pessoal. Ele cria confiança, atenua conflitos, incentiva a comunicação e aumenta a colaboração.

Além disso, o processo gera funcionários mais engajados, o que é bom para os elementos da cultura da empresa e os resultados financeiros.

Como fazer team building?

Nada em Recursos Humanos deve ser feito por acaso. Antes de aplicar atividades de Team Building, mapeie as necessidades da equipe. Isso pode ser feito com base nas seguintes perguntas:

  • Existem conflitos que estão criando divisões internas?
  • Os membros da equipe precisam se conhecer melhor?
  • Alguns membros se concentram em seu próprio sucesso e prejudicam o grupo como um todo?
  • A comunicação está afetando o progresso do grupo?
  • As pessoas precisam aprender a trabalhar juntas, em vez de individualmente?
  • Alguns membros afetam a capacidade do grupo de seguir em frente por resistência à mudança?
  • O grupo é reconhecido pela empresa?

 

Em seguida, defina objetivos e métricas com base nos problemas que as questões revelaram. Isso é importante para o team building e em nível individual também.

Então, defina um cronograma (normalmente trimestral) de atividades que possam melhorar o desempenho e engajamento do grupo.

Após colocar a mão na massa, colha feedbacks e compare as métricas anteriores com as atuais.

Atividades e dinâmicas de team building

Esteja você no escritório ou trabalhando como uma equipe remota, aqui estão alguns exercícios de team building para ajudá-lo a reconectar sua equipe e ensiná-los a trabalhar juntos.

Eventos

Qualquer oportunidade que faça com que a equipe interaja de maneira distinta de suas rotinas normais cria integração e compartilhamento.

Em encontros presenciais, há uma gama muito mais ampla de tipos de eventos possíveis, como almoços em equipes, uma partida de algum jogo, um filme ou até mesmo um passeio pela cidade. Isso ainda tem a vantagem adicional reconhecer e recompensar o trabalho árduo que o time faz.

Ao trabalhar remotamente, eventos são obviamente mais difíceis de realizar. Ainda assim, pode-se aproveitar o ambiente virtual. Happy hours são o padrão hoje em dia, assim como as pausas para café, encontros com animais de estimação e ginástica laboral.

Avaliações de desempenho

Que tal usar a gestão de desempenho para melhorar a performance da equipe? É comum que times se dividam devido a problemas de comunicação ou falta de alinhamento sobre trabalho, por isso usar ferramentas de autodesenvolvimento permite que todos se relacionem melhor uns com os outros.

A tática também ajuda a entender melhor a personalidade e o comportamento dos colegas, de modo a reconhecer e aprender a conviver com diferentes perspectivas e visões de mundo.

Serviço comunitário

Por que não fazer o bem em grupo? Estimule o time a arrecadar suprimentos, preparar refeições voluntárias, entregar brinquedos e até cuidar animais estimação em um abrigo. O que não faltam são oportunidades de ajudar quem realmente precisa.

Caça ao tesouro

Pode parecer bobo, mas brincar de caça ao tesouro é uma ótima maneira de engajar pessoas, quebrar o gelo, incentivar a comunicação e estimular o pensamento criativo. Resume-se a desafiar o grupo a encontrar objetos específicos em uma lista predeterminada, seja no próprio escritório ou em outro ambiente.

Jogos on-line

Há diversos jogos on-line que podem ser trabalhados remotamente, como quizzes, advinhação, mímica e tabuleiro. Essas atividades ajudam funcionários a se relacionarem e, dependendo da complexidade, revelam pessoas com pensamento criativo e capacidade de liderança.

Quer saber mais sobre inovação no RH? Então confira quais são os principais modelos de gestão.