Institucional Candidatos Empresas

Estudo mostra como a inclusão e diversidade impactam no cotidiano das empresas

Mudanças no RH e na forma de planejar o ano são fundamentais e impactam diretamente o principal ativo das empresas: as pessoas. E como sugestão para iniciar 2019 com tudo, que tal considerar diversidade e inclusão no seu planejamento?

Trabalhar com diversidade é, acima de tudo, atuar com diferentes perspectivas, criatividade e inovação. Mas para dar esse passo, primeiro é necessário se aprofundar e ter mais propriedade no assunto.

Pensando nisso, a VAGAS.com realizou, em parceria com a consultoria Talento Incluir, uma pesquisa que busca compreender no campo da diversidade, quais são os impactos na sociedade, e também, identificar as barreiras de trabalho enfrentadas por profissionais portadores de deficiência. Tudo isso para fazer um retrato real do cenário e ajudar as empresas a olharem para esse assunto tão importante.

Para ter um resultado bem realista, foram entrevistados 3.244 candidatos da base do VAGAS.com.br, sendo 139 PcDs (pessoas com deficiência) e também 202 profissionais de Recursos Humanos. O objetivo foi entender tanto o lado de quem participa como candidato nos processos seletivos e rotinas de trabalho, quanto para quem cuida da gestão de pessoas das empresas.  

Acompanhe alguns apontamentos importantes levantados na pesquisa:

  • Nem toda dor passa. Atitudes discriminatórias nas empresas afetam 65% das pessoas que responderam o estudo;
  • Segundo dados do Sebrae, existem 6,4 milhões de estabelecimentos no Brasil. Desse total, 99% são micro e pequenas empresas (MPE). E as MPEs respondem por 52% dos empregos com carteira assinada no setor privado – são nada menos do que 16,1 milhões deles. E grande parte das pequenas e médias empresas não possuem um programa de inclusão;
  • Profissionais com deficiência e jovens aprendizes são incluídos nas empresas através das leis de incentivo. Mas falando em diversidade, isso não aborda o todo. Será que as leis de cota são a solução para que empresas sejam mais inclusivas?
  • O ganho de se ter profissionais seniores nas empresas é grande, mas há uma barreira no mercado em relação à contratação de profissionais acima de 40 anos
  • A falta de informação gera o despreparo. Só o conhecimento pode transformar o olhar da liderança em relação à diversidade. Trazer o assunto diversidade dentro das discussões da empresa como um todo faz a diferença. Aqui entra um ponto importante para a mudança em como o RH lida com a diversidade;
  • Ações afirmativas, medidas especiais e temporárias, tomadas ou determinadas pelo estado, espontânea ou compulsoriamente, com os objetivos de eliminar desigualdades historicamente acumuladas desenvolvem cultura inclusiva em grandes e médias empresas. Ainda falta muito para eliminar desigualdades historicamente acumuladas.

Considerando os insights apresentados e a necessidade de mudanças no RH em grande parte das empresas, é importante dizer que, muito além de pensar em resultados que a diversidade traz para a empresa, há um lado humano que também deve ser levado em conta. Líderes, profissionais de RH, e as pessoas em geral, podem se tornar seres humanos muito melhores compreendendo a importância de serem mais inclusivos.

Deixe seu comentário

Sign in to post your comment or sign-up if you don't have any account.