O feedback positivo para colaboradores e candidatos deve acontecer de modo estratégico e planejado

A preocupação dos gestores no momento de fornecer feedback aos colaboradores envolve principalmente como fazê-lo de forma adequada quando é negativo. Porém, também é preciso pensar em como dar feedback positivo de maneira assertiva e no momento certo.

Para saber mais sobre o feedback positivo, qual sua relevância para colaboradores e para a empresa, continue neste artigo.

Importância do feedback positivo na gestão de pessoas

Fornecer feedback positivo apropriado vai muito além de fazer um elogio. Quando bem feito, tem o potencial de gerar resultados extremamente valiosos para o colaborador – e isso, certamente, se reverterá nos resultados da empresa.

Separamos alguns dos principais benefícios que comprovam a importância do feedback positivo e seus possíveis desdobramentos.

Engajamento maior com a empresa

Quando o colaborador sabe que está performando bem na empresa, é natural que ele se interesse mais pelo negócio e queira sempre contribuir para seu bom andamento.

Isso quer dizer que há mais chances de envolvimento genuíno com o desenvolvimento da empresa, de identificação com os valores e de trabalho cada vez mais focado para que os objetivos traçados sejam alcançados.

Aprimoramento de skills

Ao saber que está executando bem determinada tarefa, é natural que o colaborador queira aprimorar seus conhecimentos técnicos, as chamadas hard skills, ainda mais para entregar resultados cada vez melhores.

O feedback positivo pode ser o empurrãozinho que faltava para a pessoa buscar cursos específicos da área de atuação e até mesmo para entender quais são os gaps que precisam de mais atenção.

Ao se aprimorar, todo o conhecimento adquirido volta para a organização, que pode contar com o know-how de experts.

Mais uma vez, nota-se que muito mais do que os produtos oferecidos, o que fará com que sua empresa se sobressaia no mercado é a experiência oferecida ao cliente – e tal experiência é provida, justamente, pelas pessoas que nela atuam.

Consciência de contribuição

É muito importante que o colaborador tenha ciência de seu papel na companhia para que possa agir visando atingir os fins esperados. Se o gestor o deixa trabalhando no escuro, as chances de as expectativas estarem alinhadas é baixa.

Com o feedback positivo, o funcionário saberá que está indo pelo caminho certo, em quais ações deve continuar colocando seus esforços e qual o melhor modo de executá-las.

Redução de turnover

Outra questão muito importante que surge com o desenvolvimento de uma cultura de feedback positivo é a redução do turnover.

Ao se sentir necessário na empresa, saber o que está fazendo de relevante e ter a consciência que pode continuar trilhando bons caminhos com perspectivas de crescimento, o trabalhador não sentirá a necessidade de procurar oportunidades em outras companhias.

Construção de equipes mais eficientes

Com maior engajamento dos colaboradores, há maiores chances de times mais eficientes.

A constância é uma das chaves para o desenvolvimento adequado de qualquer equipe. Uma das formas eficientes de atingi-la é pela entrega de feedbacks positivos e relevantes, afinal, o colaborador só poderá ser constante em seu bom trabalho se souber que está indo bem.

Percebeu como o feedback positivo é muito construtivo tanto para o colaborador quanto para a empresa? Agora, é preciso entender como fazê-lo da maneira correta.

Como dar feedback positivo?

O modo como o feedback positivo é feito é essencial para que o profissional possa usufruir dos levantamentos feitos e a empresa tenha retorno.

Há alguns pontos que precisam ser considerados no momento de elaborar o feedback. Preparamos uma lista para você saber como agir nesse contexto, que exige muita expertise e assertividade.

Seja profissional

Para que o feedback positivo tenha consistência e não seja um simples elogio, é preciso dá-lo com profissionalismo.

Reserve uma sala adequada, contextualize o funcionário e abra os motivos pelos quais o retorno é importante para ele, para você e para a empresa.

Lembre-se sempre que a postura profissional dará o tom da conversa. É preciso que quem dá o feedback positivo o faça genuinamente e que invista seus esforços para que resultados surjam.

Vá além do “bom trabalho”

Assim como o feedback negativo, é preciso ir além de colocações generalistas no feedback positivo: os detalhes do que foi considerado ótimo no desenvolvimento do trabalho são primordiais.

Traga exemplos de iniciativas que chamaram a atenção e revele quais foram os efeitos positivos, assim como suas ações contribuíram com as frentes envolvidas.

Somente quando a pessoa entende o que está fazendo de correto, poderá continuar investindo em seus diferenciais e se aprimorar ainda mais.

Dê o feedback positivo o quanto antes

É imprescindível que não se perca o timing do feedback. Quanto antes ele vier, melhor. Ou seja, assim que notar bons resultados de uma ação, dê o retorno para o colaborador.

Dessa forma, todos terão os acontecimentos muito frescos na cabeça: tanto o gestor conseguirá dizer mais detalhadamente quais foram as boas atitudes do colaborador quanto o colaborador conseguirá se lembrar de como teve determinada ideia ou qual a forma que ele lidou com alguma situação.

Além disso, esperar muito tempo para o feedback pode deixar o funcionário desmotivado por pensar que suas atitudes não são notadas ou não têm relevância.

Mostre o impacto no negócio

Para distinguir o feedback positivo de um elogio corriqueiro, mostre ao colaborador como suas ações impactaram o negócio. Tornar esses resultados visíveis é de suma importância para que o profissional saiba o que seu trabalho pode gerar.

A partir de tal consciência, o colaborador poderá empregar de maneira ainda mais eficiente sua energia em entregas.

Permaneça disponível

Depois de dar o feedback positivo, o gestor deve deixar claro ao colaborador que está à disposição para trocar ideias e ajudá-lo no que for preciso.

Saber que está no caminho certo não é sinônimo de perfeição ou de falta de questionamentos. Depois de saber que faz um bom trabalho, o colaborador pode ficar sem graça de pedir alguma ajuda, com receio que seu mérito seja diminuído.

Por isso é muito importante que você mantenha essa porta sempre aberta e de forma genuína. Afinal, uma empresa só funciona integralmente quando todos estão afins em seus objetivos: contribuir com o sucesso da companhia.

Exemplos de feedback positivo

Mostramos para você todo o caminho que deve ser cuidadosamente trilhado para fornecer feedbacks positivos. Se, ainda assim, as situações parecem um pouco distantes, compilamos cenários possíveis.

Meta atingida

Quando o colaborador atinge a meta colocada pela empresa, é importante dizer que ele fez um bom trabalho.

Você pode ir por caminhos como:

  • “Parabéns! No dia 07/12/2019, a meta era atingir 20 vendas em 30 dias. Em 15 dias você efetivou 22 vendas. Isso mostra sua habilidade em lidar com os clientes e de persuasão”;
  • “Na reunião com o cliente X, notei que você agiu de forma calma, estratégica e firme. Percebi isso pela sua fala e pelos argumentos que trouxe. Isso foi essencial para que cumpríssemos a meta”;
  • “Na reunião com a diretoria da empresa, você levou métricas de vendas e de conversões. Essa estratégia foi muito relevante para posicionarmos nossa equipe de forma estratégica”.

 

Comportamento adequado

Nesse cenário, podemos considerar comportamentos diante de situações mais delicadas, como lidar com clientes mais difíceis ou até mesmo com superiores e colegas de trabalho.

Ter jogo de cintura e manter a calma é essencial para a boa condução da jornada dos clientes, para o crescimento profissional e para a convivência com os colegas.

Você pode dizer:

  • “Notei que na situação X você se manteve muito calmo e conseguiu ouvir os argumentos de todos os lados antes de se posicionar. Quando trouxe seu ponto de vista, o fez de modo assertivo e convincente. São atitudes e comportamentos como esse que mostram o grande profissional que você é”.

 

Note que é importante dar nome ao comportamento, recordar a situação e o que te chamou a atenção positivamente. Quanto mais detalhes, mais rico e eficiente será o feedback.

Desenvolvimento profissional

Se você nota que um profissional está desenvolvendo novas habilidades, é importante deixá-lo saber que você observa sua evolução. Tal movimento potencializa a vontade de investir ainda mais em seu aprimoramento.

Uma possibilidade para dar este feedback é:

  • “Nos últimos meses, venho notando que você está desenvolvendo seu poder de persuasão para fechar negócios mais rapidamente. Isso é ótimo e sua evolução é notável. Veja que há dois meses atrás, você fechou dez contratos e nos últimos vinte dias, seu resultado foi doze negócios fechados. Caso você tenha interesse posso te indicar cursos e leituras para potencializar ainda mais essa nova habilidade”.

 

Ajuda para colegas

Promover um ambiente de trabalho saudável e que é cooperativo ao invés de competitivo é de suma importância para o colaborador, para o bom desempenho da equipe e para o crescimento do negócio.

Dar feedbacks positivos sobre a colaboração entre pares de trabalho é essencial para a expansão dessa mentalidade.

Nossa sugestão para esse feedback:

  • “Sua colaboração para o projeto X que Fulano estava desenvolvendo foi essencial. É exatamente esse senso de ajuda mútua que prezamos e que guia a empresa. Você a aplicou muito bem no seu dia a dia. Suas habilidades de persuasão e conquista do cliente junto com as habilidades de métricas e levantamento de dados de Fulano funcionaram muito bem em conjunto”.

 

Atitudes proativas

Tomar frente de situações e pensar em maneiras de resolvê-las ao invés de esperar que outras pessoas o façam são atitudes proativas que também merecem ser destacadas.

Quando notar que um funcionário se interessa genuinamente pelo negócio e é proativo, você pode dar um feedback positivo nesta linha:

  • “Quero te parabenizar por tomar a iniciativa de montar um documento de todas as vendas da nossa equipe do último ano e de compilar todos os dados na planilha. Isso é muito importantes para o desenvolvimento do negócio e trouxe mais visibilidade das nossas movimentações, dos impactos positivos que o time traz para o negócio e transparência das ações”.

 

O feedback positivo é uma iniciativa que deve ser adotada pelas empresas, uma vez que traz diversos benefícios. É preciso tratá-lo também como uma estratégia, ou seja, é necessário planejamento para que traga os resultados esperados.

Tomando os cuidados que levantamos no artigo e colocando em prática as dicas, você pode levar sua empresa para outro patamar usando o feedback positivo como aliado.

Aproveite essa pauta e confira qual a importância de fornecer feedback de entrevista durante o processo seletivo.