Oferecer benefícios e apostar nas redes sociais. Se você precisa melhorar a captação de talentos, fique atento a essas e outras 7 medidas

Chegou a hora de acelerar as contratações, mas está complicada a captação de candidatos para a sua empresa? Talvez seja o momento de rever o processo seletivo. Após um período de paralisação, o mercado de trabalho vem mostrando sinais de aquecimento, o que acaba impulsionando a atração de talentos.

Em meio a esse cenário competitivo entre as empresas, pode ficar um pouco mais difícil se destacar, certo? A proposta deste artigo é apresentar estratégias para você alavancar sua captação de candidatos. Fique atento a 9 soluções e veja quais delas podem ser implantadas de imediato na sua companhia!

Capriche nos anúncio

A regra de ouro aqui é ser o mais transparente possível. Os candidatos precisam entender as demandas do cargo e os benefícios oferecidos. Detalhe o perfil buscado para a vaga e busque chamar atenção contando um pouco sobre a cultura da empresa. Um vídeo curto ou um link para o blog de carreiras da companhia podem valer muitos pontos com os profissionais. Lembre-se de ser sucinto, organizar bem as informações e revisar o anúncio. Afinal, erros gramaticais pegam muito mal e afastam candidatos em potencial.

Contrate pessoas que buscam uma primeira oportunidade

Se você precisa contratar estagiários ou recém-formados, as universidades são um local de recrutamento bem interessante. Divulgue suas vagas por lá para captar talentos da geração Z. Utilize grupos da universidade, marque presença em workshops e seminários realizados no campus e anuncie oportunidades. Outra dica bacana para se destacar é patrocinar festivais e eventos culturais, além de estruturar programas de estágio e trainee atrativos.

Seja flexível

A cada dia que passa, os profissionais valorizam mais as empresas que respeitam os limites entre trabalho e vida pessoal. O modo workaholic está em decadência. Por isso, deixe claro que os recém-contratados não terão que lidar com muito estresse ou dê benefícios que compensem a dedicação deles. Pense em dias de home office, ambientes mais leves e abertos, horário flexível. Tente sair do padrão para conquistar os talentos mais exigentes.

Dê bônus

Vá além do trivial e ofereça benefícios diferentes. Além de um escritório descolado, que tal descontos em academias de ginástica e clubes, folga no dia do aniversário, bufê de sobremesas na hora do almoço ou do lanche, áreas de descompressão e vales-massagem? Observe seus concorrentes e seja criativo para se destacar e captar talentos.

Presença nas mídias sociais

Muito mais do que passatempo de adolescente, as redes sociais devem ser encaradas com seriedade pelo RH. Elas são um ótimo canal para encontrar e captar candidatos para a sua empresa. Divulgue sua marca empregadora nas mídias e vá criando conexões com seus seguidores.

Além disso, poste anúncios de vagas chamativos e reforce sempre os pontos fortes da sua organização. De acordo com uma pesquisa Aberdeen Group, uma empresa internacional de marketing, 73% dos millennials norte-americanos buscam por trabalho nas mídias sociais.

Recrute seus funcionários

Que tal usar os seus próprios colaboradores como embaixadores da sua empresa e, assim, realizar a captação de talentos mais facilmente? Esse pode ser só o começo para você estruturar um programa de recrutamento atrativo. Peça a eles para recomendarem a companhia para amigos e parentes e, caso algum profissional indicado seja contratado, premie o funcionário com um cartão de presente de uma livraria ou um ingresso para um show, por exemplo. Vale a pena tentar.

Acelere os processos

Não conduza processos seletivos longos demais. Neste meio-tempo, os candidatos podem estar participando de outros recrutamentos e abandonarem o seu devido a uma proposta melhor ou, simplesmente, desistirem dele porque perderam o interesse na sua empresa em virtude da demora. Valorize o tempo dos profissionais e se apresse para dar uma resposta a eles.

Ofereça salários competitivos

Essa é a dica mais básica de todas, mas, por incrível que pareça, muitas empresas ainda se esquecem de pesquisar a remuneração e os benefícios entre a concorrência e acabam perdendo muitos talentos. Embora as gerações mais novas prestem muita atenção a benefícios, como horário flexível e maior autonomia, um salário alto sempre pesa na balança e pode reter candidatos.

Fique de olho na reputação da empresa

Os candidatos estão cada vez mais bem informados e acompanham a imagem das empresas em sites de avaliação, como Glassdoor. Por isso, fique alerta para as resenhas sobre a sua empresa que aparecem por lá e evite a rejeição dos profissionais. Caso haja opiniões negativas, que possam afetar a reputação da sua companhia, prepare um discurso de defesa quando for dialogar com os talentos. Mostre-se disposto a escutá-los e a melhorar o que for necessário para receber os novos colaboradores.

Achou o conteúdo interessante? Então aproveite para conhecer 11 dicas para aumentar a assertividade no recrutamento e seleção. Vale ainda ler este artigo sobre como criar um programa de indicação de talentos eficiente

Homem sorrindo para câmera e dizeres "13 Passos para Transformar suas Vagas em Ímãs de Talentos"